Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:
Entidades médicas se unem ao CFM e à AMB e comentários do ministro da Saúde

As Sociedades Brasileiras de Ortopedia (SBOT) e Pediatria (SBP), além da Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo) expressaram repúdio e revolta com os comentários do ministro da Saúde, Ricardo Barros, quinta-feira (13), no Palácio do Planalto, em Brasília (DF). Na manifestação da SBOT, a entidade médica destaca o questionamento de um ortopedista indignado com a declaração do ministro: “será que fingimos que trabalhamos quando somos acordados de madrugada e entramos em uma cirurgia de um politraumatizado com fratura exposta grau 3 de tíbia, fratura pélvica com disjunção de sínfise e hemorragia retroperitoneal”, pergunta o médico.

Também os pediatras brasileiros manifestaram indignação com a afirmação do ministro e cobraram providências para os problemas na Saúde. Já as associações da Ginecologias e Obstetrícia lamentaram a falta de visão e sensibilidade social do principal gestor federal da rede pública. As manifestações das entidades médicas estão acessíveis nas manchetes abaixo:


Febrasgo publica nota de repúdio à declaração do ministro da Saúde

Pediatras manifestam revolta com comentários do ministro da Saúde e apontam equívocos da gestão do SUS

Sociedade de Ortopedia se une ao CFM e à AMB para repudiar fala do ministro da Saúde

Acesse aqui a nota aprovada pelo CFM e pela AMB em que as entidades rebatem comentários pejorativos e ressaltam a verdade sobre a gestão do SUS.

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

© Copyright 2017 Todos os Direitos Reservados
Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 Lote 985 2º Andar, Sala 202 - Centro Empresarial Parque Brasília, Brasília-DF, CEP: 70.610-410
Tel: (61) 3322-0001 Fax:(61)3226-1312,  Expediente (2ª a 6ª feira) - 8h00 às 18h00